Festa

R$30,00

Aclyse Mattos, apresenta uma poesia cheia dos namoros com a música. Rimas e ritmos juntam-se a um vocabulário cuiabano e de alguns povos indígenas. Festa tem de tudo um pouco. Até o registro de que um famoso antropólogo esteve por Mato Grosso. Tem também a homenagem aos comparsas do verso: Ivens Scaff, Antonio Sodré e, novamente, Silva Freire. Aclyse nos brinda com uma poesia inventiva, musical, telúrica e que faz uma espécie de crônica da vida de Cuiabá.

Aclyse Mattos nasceu em Cuiabá, dias antes da cheia de 59 que inundou o Porto. Poeta nas horas cheias e professor nas horas vagas. Além de Cuiabá, morou também no Rio de Janeiro e São Paulo. Professor do Departamento de Comunicação da UFMT, mestre pela ECA-USP e doutorando pela UFMG. Festa é o livro em que celebra a musicalidade da poesia. Seus outros livros de poemas são Assalto à mão amada (1985), Papel Picado (1987), Quem muito olha a lua fica louco (2000). Também escreve contos (O Sexofonista, 1986), literatura para crianças (Natal Tropical, 1990), letras de música e roteiros. Participou de diversas revistas e antologias nacionais e internacionais de poesia.

Peso 0.136 kg
Dimensões 15 × 21 cm
Páginas

80

Edição

Ano de publicação

2012

Avaliações

Não há comentários ainda.

Be the first to review “Festa”

O seu endereço de e-mail não será publicado.