untitled

De acordo com uma pesquisa divulgada pelo Estadão Cultura no dia 18 de maio, 44% da população brasileira não lê. Os dados foram colhidos pelo Ibope sob encomenda do Instituto Pró-livro. Segundo os resultados, a média de leitura do brasileiro é de 4,96 livros por ano. Você a pesquisa completa clicando AQUI.

Uma forma de mudar este quadro é incentivar a leitura desde cedo. Para aumentar o interesse das crianças, há várias formas. Uma delas foi adotada pelas autoras Iraci C. Romagnolli Dias e Teresinha Helena no livro “Bichonário do Pantanal”: a interatividade.

O “Bichonário do Pantanal”, publicado pelo selo Tanta Tinta da Carlini e Caniato Editorial, é um dicionário ilustrado, alegre, divertido e recheado de curiosas informações, que leva a criança a um passeio animado pelo alfabeto. Além de aprender a ler e a escrever, a criança aprende sobre a conservação do meio ambiente, hábitos culturais, fauna e flora do Pantanal, brinca com os passatempos e pinta. Das mesmas autoras do livro “Conhecendo a Fauna do Pantanal de A a Z”, o “Bichonário” segue a proposta de que é possível aprender de forma diferente.

Entre as páginas deste dicionário ilustrados, as crianças poderão resolver jogos do sete erros, ligue os pontos, palavras cruzadas e mais. Além disto, parte da obra está impressa em preto e branco, de forma que os leitores possam colorir as ilustrações do jeito que acharem melhor.

Você pode adquirir o livro “Bichonário do Pantanal” clicando AQUI. 

Sobre as autoras

Iraci C. Romagnolli Dias é natural do interior de São Paulo, formada em Pedagogia Infantil, pela Universidade de Cuiabá e especialista em Educação Infantil, pelo Instituto de Pesquisas Avançadas em Educação, do Rio de Janeiro. Iniciou a profissão na Classe de Alfabetização, em Cuiabá. Faleceu em 2016.

Teresinha Helena da S. Ferreira é de Visconde do Rio Branco, interior de Minas Gerais. Ainda na adolescência lecionou na zona rural, seu primeiro contato com a sala de aula, mas foi em Mato Grosso, na década de 1970, que a experiência como professora se tornou significativa, quando passou a alfabetizar crianças da rede pública.

Serviço

Carlini e Caniato Editorial

Contatos: (65) 3023-5714 / 5715 

(Da Assessoria)