Carlini & Caniato

  • Arqueologia Brasileira: a pré-história e os verdadeiros colonizadores

    R$320,00

    A obra, que pode servir como manual da produção arqueológica brasileira: quem a estuda, intituições, legislação, história; apresenta panorama detalhado, fartamente ilustrado, de pesquisas, realizadas pelo autor, um dos maiores arqueólogos em atividade no país, ao longo das duas últimas décadas, bem como de estudos desenvolvidos por outros pesquisadores, que expõem o passado pré-histórico no Brasil em seus aspectos mais diversos: físico, demográfico, patológico, tecnológico, sociológico, econômico, seus padrões de ocupação do território e até ritualístico, atravez de estudos de diversos sítios arqueológicos, com relatos de suas localizações, estruturas, análises dos aterfatos encontrados, técnicas utilizadas e muito mais.

  • Dona

    R$47,40

    A obra traz a clareza da autora e de seu trabalho; consciência total de sua poética, sobrevivente das batalhas dos labirintos lúcidos da loucura, DONA de todas as puras impurezas dignas da mulheres novas, maduras, idosas.

  • Antologia de narrativas dos povos indígenas de Mato Grosso

    R$42,80

    O mosaico apresentado nesta antologia emerge a partir das vivências interculturais e revela aspectos da visão de mundo de povos originários não só sobre a origem de alguns elementos da fauna e da flora, mas também sobre como explicam algumas crenças e certos costumes. É fruto da sensibilidade de se reconhecerem diferenças; na importância de se valorizarem os relatos orais utilizados por povos originários como forma primeira de expressão e preservação cultural; no respeito às línguas originárias e na (inter)relação delas com a língua portuguesa utilizada na sociedade envolvente; no respeito às cosmologias, modos de ser e de bem-viver de cada povo.

  • Doze contos – interpretando a miragem

    R$36,80

    Doze contos – interpretando a miragem evidencia ciclos femininos, pois marca na divisão dos meses do ano a desconstrução da imagem da mulher fixada em regras de comportamentos de cunho moralizante. Luciene rompe com a ideia homogeneizante do ser mulher ao trazer personagens que representam situações cotidianas porém, que nos fazem refletir sobre a situação social da mulher abandonada, da mulher que vive em função do outro, da sexualidade, do incesto e do trabalho. Nesse sentido, refletir sobre a escrita da mulher é se deparar com a revelação do não dito no decorrer da história.

  • A Literatura Contemporânea em Mato Grosso

    R$65,00

    Mato Grosso Com Representação: Imagens e Conflitos

    Gerações Literárias:

    Atravessamento e Contaminação

    AML: O projeto Literário Mato-grossense

    O Academicismo Mato-grossense

    Cuiabanocentrismo

    Antecedentes do Antiacademicismo:

    O Nascimento da Geração Coxipó

    Os Períodos da Nova Tribo:

    Revista Vôte

    Estação Leitura e a Luta de Wander Antunes por Leitor

    Revista Fagulha

    A Tradição que vive no passado

    A Crise da Legitimidade da AML

    Produção Coletiva da Geração Coxipó:

    Desvaneios Poéticos – Prêmios Regionais

    Fragmentos de Gerações

    O Projeto Palavra Aberta

    Lamento – Identidade e contemporização

  • Mulheres silenciadas e vozes esquecidas: três séculos de poesia feminina em Mato Grosso

    R$35,00

    A obra retoma a produção lírica feminina através de textos escritos no século XIX e no decorrer da primeira metade do XX por mulheres poetisas, em Mato Grosso, como participantes expressivas da literatura produzida no estado. A ausência de boa parte das poetisas nas historiografias locais denuncia uma espécie de pressão silenciosa no interior de um processo ocorrido em periodos de emancipação e libertação. Ora, os desdobramentos equivocados de pesquisas parciais, que se definem como historia ou historiografia da literatura produzida no estado demarcaram e demarcam, para a lírica de autoria feminina, os limites de uma historiografia do silenciamento.

  • Mascote do caos

    R$40,00

    Mascote do caos  traz “cronicontos” divertidos que misturam ficção e realidade. Assim como sugere o título, um cãozinho, fofo e simpático, mas que “toca o terror” subvertendo a ordem das coisas, os textos de Lucas provocam no leitor(a) essa mesma sensação, pois em sua maioria partem de uma linguagem jornalistica para relatar situações bizarras de forma questionadora, criativa e divertida. Para além dos textos muito bem humorados há a sagacidade da crítica ao modo de vida da sociedade contemporânea.

  • Gula d’água

    R$38,90

    A voracidade poética de Luciene Carvalho em Gula d’Água expressa a sede por amor de uma mulher insaciável, Sede que não se satisfaz com pouco. O amor que permeia a obra se trata de um movimento torrencial. As três partes, intituladas cama, mesa e banho, nos direcionam para o cotidiano feminino, pois seja na cama, na mesa ou no banho sempre é tempo para o amor.

    O amor apresentado na poética luciênica em Gula d’Água, apesar de toda a voracidade, é carregado de intimidade e afetividade, que são demarcadas pelo espaço de convivência em todas as estações do ano, em todas as fases da lua.

  • As utopias e resitências de Pedro Casaldáliga: Escritos escolhidos

    R$48,90

    A obra traz uma importante contribuição ao campo da crítica e história literárias, permitindo o acesso integral à personalidade de Dom Pedro Casaldáliga (1928-2020), seja pela diversidade de abordagens e pelo trabalho sistemático na conjunção de fontes sobre o tema, seja pelo conjunto de poemas, entrevistas e dados relacionados à vida e à obra de Casaldáliga:  bispo, poeta e com expressiva atuação política, cujo horizonte era o povo da região brasileira do Araguaia – isto é, os pobres, os posseiros, os negros e os índios.

  • Na pele

    R$46,80

    Na pele foi escrito durante a pandemia do Covid-19. A obra traz as mudanças nos dias de confinamento da autora poetisa, seus fluxos e percursos. Diz Luciene: “nas primeiras semanas desse aquilombamento, com raras saídas e nenhuma visita, minha garganta entrou em colapso; meu coração de poeta percutiu numa batida que me atravessou inteira: eu queria falar sobre ser preta, queria dialogar com os pretos do meu hoje; através dos meus versos, queria conversar com os viajantes da Rota da Melanina. Urgia. Na TV, estarrecida, vi joelhos sobre pescoços negros: sincronicidade: eu também não estava conseguindo respirar…

    Escrevi estes versos em 61 dias, entre 25/05 e 25/07 de 2020.

  • Coração Madeira

    R$46,90

    Ao deixar para trás o sul do país e empreender a Marcha para o Oeste até o inóspito sertão Amazônico, a jovem protagonista atravessa também as fronteiras entre o medo e a coragem, a dúvida e a certeza. Uma travessia em que ela descobre a força ancestral de uma voz que a chama para a construção do próprio destino. Os limites do patriarcado são as árvores mortas que ela transforma em árvores vivas para tecer sua nova história, agora matriarcal. Raízes de memórias e galhos do presente, às vezes espinhosos, outras suaves, mas sempre cheios de potência de vida, são entrelaçados em um romance costurado com organicidade e os fios luminosos da poesia.

  • Darkness

    R$60,00

    Foi durante uma madrugada, após um inesperado e indesejável encontro que terminou com a morte do seu assediador, quando Sofia decidira tentar fazer a diferença. Em um país feito o Brasil, onde tudo parece ser fácil demais, ela jamais podia ima- ginar, que, por trás de tantas impunidades, havia alguém a observando. Não era uma disputa intelectual. Sofia decidiu dar início à uma guerra, contra os criminosos do país e também contra si mesma. Maldita revolta… Nem mesmo ela esperava ter chegado onde chegou.

  • Jardim de ossos

    R$36,50

    Jardim de ossos de Marli Walker explora, como o título indica, a profusão de ossadas que vão se produzindo na vida de uma pessoa ao longo do tempo. O principal campo semântico a ser trabalhado é o do osso enquanto estrutura que se forma em torno da subjetividade conforme se acumulam as experiências vividas. Todos os seres humanos que alcançaram algumas décadas de existência forçosamente apresentam certa couraça de proteção construída pelo acúmulo de desilusões e perdas. A fossilização dos afetos, pelo menos em certa medida, é necessária à sobrevivência e também inevitável.

  • Nojo

    R$33,90

    É a testa, é o pelo, é a estria, é a obesidade, o cabelo, o sexo, as tatuagens. O que dá nojo em você?

    Este é o livro mais agressivo da autora. Nojo é repulsa. Ao outro ou a você mesmo? Carbonieri dá um soco na boca do nosso estômago, e não espera resposta: “todo mundo é iludido da mesma maneira se deixa comprar pela fachada pela aparência de uma pessoa”.

  • Recuerdos de mi abuela & outros estilhaços em charla

    R$40,00

    Mário Cezar Silva Leite apresenta-nos em Recuerdos de mi abuela & outros estilhaços em charla um caleidoscópio: seus estilhaços de vidro colorido multiplicam ritmos, corpos, registros linguísticos, temporalidades e gêneros literários os mais variados, construindo dessa forma um pequeno e vibrante mundo no qual memória, ficção e realidade são (ainda que por alguns instantes) uma coisa só.

    Ler os cinco estilhaços que compõem este livro significa integrá-los aos mornos afetos de nossos corpos, ter a Abuela, Paulo e Tadeu no mesmo campo fresco da memória onde estão, meio apagados pelo tempo, nossos amigos de infância, nossos primos nunca mais visitados e nossos brinquedos descamados. Tê-los, enfim, entre nossos próprios recuerdos.

  • Passo meu ex-passo

    R$30,00

    Passo Meu Ex-passo se estrutura com cinquenta e um textos cujos temas são tratados com minúcia e relevância, e questões de ordem cotidiana, memorial, filosófica e lírica vão sendo retomadas, revistas por vários ângulos ou repisadas na tentativa de conquistar maior densidade. A obra, por isso mesmo, é austera: escrita com afinco e coragem.